close
Conto

Odiozinho

Sei que eu não devia rir, no entanto ri quando meu terapeuta sugeriu o grupo, este grupo, vocês sabem, mas não sei se vocês também têm um terapeuta, grandes figuras eles, os terapeutas, enfim, eu ri quando ele se levantou da poltrona, eu nunca tinha visto ele se levantar da poltrona durante as nossas sessões, bem, só quando nos despedíamos ao final, mas aquela levantada, a que ele deu quando me entregou o panfleto dobrado do grupo, né?, este grupo, foi uma levantada diferente, bem no meio da sessão, assim, meio de surpresa, né?, talvez ele tenha ensaiado, quem sabe?, grandes figuras os terapeutas, e ele se levantou, esticou o braço direito e o pulso fugiu um pouco da manga do casaco, daí pude ver os riscos azulados, as veias, né?, aquela pele leitosa, a pele como a pele daquelazinha lá da faculdade, pois é, aquelazinha lá do Facebook, isso, isso, aquela que me fez, vocês sabem, eu tenho mesmo que repetir?, ok, aquela, desculpem pelo aquelazinha, aquela que na frente dos funcionários, enfim, aquela que no primeiro dia já quis, vocês sabem, falou que não sabia o que ia fazer o dia todo sozinha sem poder acessar o Facebook, e ele riram, riram na minha frente, eu, chefe de departamento numa faculdade, o chefe, porra, desculpem, desculpem, Respeito e Respiração, eu sei, mas eles riram e eu ri do terapeuta, não pela indicação do grupo, mas pela, sei lá, ironia do pulso como o daquela jornalista, o mesmo pulso que eu, desculpem, quis quebrar, me oferecendo o panfleto com “CONTROLE SUA RAIVA”, “LIGUE AGORA”, enfim, obrigado pela escuta, desculpem, eu sei, sem agradecimentos, eu sei, porra, é isso, eu sei, desculpem, os dois erres, eu sei, R.R., Respeito e Respiração, eu sei, desculpem, porra, obrigado.

Tags : humorminicontoraivarelacionamentosterapiaviolência

The author Marcos Marciano

Marcos Marciano é um ser humano amador. Formou-se em Psicologia pela Universidade Federal de Minas Gerais, lê livros por esporte e escreve por falta de vergonha na cara. Ainda não sabe por que a Débora resolveu se casar com ele.